ROTEIRO 2º DIA – QUILOMBO KALUNGA – CACHOEIRAS CAPIVARA E SANTA BÁRBARA

cachoeira santa bárbara

 

Post Atualizado em 18/06/2018.

 

 

QUILOMBO KALUNGA – CACHOEIRA  CAPIVARA + SANTA BÁRBARA

Eu não via a hora de conhecer as cachoeiras que ficam no Quilombo Kalunga, principalmente a cachoeira Santa Bárbara (a mais famosa da região). Saímos do hotel por volta das 8:30h rumo a Cavalcante que é onde ficam essas cachoeiras.

São em torno de 109 km de estrada asfaltada até Cavalcante e mais cerca de 30 km de estrada de terra até o Quilombo Kalunga.

 

Pra fazer a trilha para essas cachoeiras, é obrigatório ter um guia. Que você pode contratar no:

CAT (Centro de Atendimento ao Turista) de Cavalcante – que fica no caminho para as cachoeiras;

ou

– Quando chegar no Quilombo.

 

Quando chegamos ao CAT, devido ao feriado, já não tinham mais guias disponíveis por lá, enquanto eu e mais algumas pessoas aproveitávamos pra tirar dúvidas sobre o caminho com um funcionário, chegou uma guia que estava levando um turista para o Quilombo e daí esse funcionário sugeriu que todo mundo que estava lá e tinha dúvida do caminho, aproveitasse pra seguir o carro da guia. Eu, meu marido e as outras pessoas que estavam tirando dúvida, acabamos formando um grupinho e quando chegamos ao Quilombo esse grupinho fechou com uma guia lá.

Se estiver viajando por conta própria, sem agência de turismo, assim como eu fiz, super recomendo que quando for para o Quilombo pare no CAT de Cavalcante, pra pegar as informações sobre o caminho. A partir dali, o caminho não é difícil, mas a estrada asfaltada e a estrada de terra, não possuem sinalização, o que acaba complicando.

 

 

SOBRE A ESTRADA DE TERRA QUE LEVA AO QUILOMBO

Sério, os 30 km na estrada de terra parecia que não tinha fim!rs

A estrada tem dois sentidos, não tem sinalização, é íngreme em alguns pontos, muuuito, mas muito esburacada, sendo os buracos bem profundos e alguns deles formam poças d´água o que dificulta ainda mais o caminho.

Além disso, em algumas partes da estrada tem umas pontes de madeira (que só passa 1 carro por vez) sem nenhuma proteção do lado. Com a terra que levanta do carro da frente ou do que passa no sentido contrário, não dá pra enxergar muito bem, por isso, tem que ir devagar  porque é muito fácil danificar o carro nessa estrada.

cachoeira santa bárbara

 

 

QUILOMBO KALUNGA

O Sítio Histórico e Patrimônio Cultural Kalunga, compreende os municípios de Cavalcante, Teresina de Goiás e Monte Alegre. Lá vivem mais de duas mil famílias, chegando a quase oito mil pessoas. É a maior comunidade remanescente de quilombo do Brasil.

 

Esta é a recepção, onde fizemos o pagamento do passeio e contratamos a guia:

quilombo kalunga chapada dos veadeirosquilombo kalunga chapada dos veadeiros

Todo o serviço oferecido pelo quilombo é prestado pelos próprios moradores, que através do turismo, arrecadam dinheiro para o sustento de suas famílias e fazem melhorias no Quilombo. Vale a pena aproveitar pra conversar um pouco mais com eles, descobrir como é o dia a dia no Quilombo, seus costumes, comprar algum dos produtos produzidos por eles e entender melhor sobre os projetos realizados lá.

Assim que chegamos ao Quilombo, por volta das 11h, o local estava lotado de turistas, porém, ainda tinham alguns guias disponíveis. Nosso grupinho (o que formamos lá no CAT) fechou com uma guia que nos levaria as 2 cachoeiras (Santa Bárbara e Capivara). Antes de começarmos o passeio, fizemos o pagamento da guia e da entrada nas cachoeiras, para a funcionária da “recepção”:

 

VALOR 2018

-Diária do Guia (para um grupo de até 8 pessoas) -R$ 100,00 valor fechado

-Cachoeira Santa Bárbara – R$ 20,00 por pessoa

-Cachoeira Capivara – R$ 10,00 por pessoa

Após isso, preenchemos uma ficha com os nossos dados pessoais.

 

DICA: em dia de feriado, chegue cedo, tipo umas 8 – 9 hs. Falo isso, por que quando chegamos eles começaram a avisar que a Santa Bárbara estava cheia (no limite aceitável de gente por dia) e por isso, os guias disponíveis só levariam para conhecer a cachoeira Capivara.

A Capivara é incrível, mas deve ser muito frustrante pegar toda aquela estrada de terra e não conseguir ir na Santa Bárbara, né?! Por isso, programe-se e chegue o mais cedo possível!

Importante: antes de começar o passeio, aproveite pra encher as garrafinhas no bebedouro que tem por lá e usar o banheiro, pois não haverão outros durante todo o passeio.

 

 

CACHOEIRA CAPIVARA

De lá do Quilombo seguimos para a Cachoeira da Capivara. A guia foi no carro de uma das pessoas do nosso grupo.

Chegando a cachoeira tem um estacionamento de terra e logo começa a trilha.

Em um ponto da trilha tem uma cachoeira menor, muito bonita, chamada Capivarinha, se der tempo aproveite pra ficar um pouco ali.

 

Capivarinha:

Cachoeira Capivara Cachoeira Capivara

 

Chegando na Capivara, tem muita pedra e pouco espaço para ficar sem ser dentro da água. As pedras ali são bem escorregadias, principalmente a que dá acesso a entrada da cachoeira.

 

Cachoeira CapivaraCachoeira Capivaracachoeira santa bárbara chapada dos veadeiros

Eu achei a Capivara uma das cachoeiras mais bonitas das que visitamos. Ela tem uma parte que parece uma piscininha e é bem gostosa de ficar.

Nível da trilha – médio, com partes mais íngremes e um pouco escorregadias.

Tempo de trilha: 15 a 20 minutos.

Distância ida e volta: aproximadamente 1,5 km.

 

 

SANTA BÁRBARA

Da Capivara fomos com nosso carro até um outro “estacionamento” e de lá seguimos andando até a Cachoeira Santa Bárbara.

Que eu me lembre deve dar 1km e pouco de caminhada. Em algumas partes, atravessamos alguns riozinhos onde a água batia no meio da canela.

Depois dessa caminhada, chegamos num ponto onde ficamos aguardando o carro do Quilombo que nos levaria até uma outra parte da trilha.

Preço do transporte quilombo – ida – 2018: R$ 10,00 por pessoa. Pagamos na hora ao motorista.

Saindo do carro, andamos mais 1 km aproximadamente, até chegar à cachoeira Santa Bárbara.

cachoeira santa bárbara chapada dos veadeirosCachoeira Santa Bárbara Chapada dos VeadeirosCachoeira Santa Bárbara Chapada dos Veadeiroscachoeira santa bárbara chapada dos veadeiroscachoeira santa bárbara chapada dos veadeiroscachoeira santa bárbara chapada dos veadeiros

 

A Santa Barbarinha é uma cachoeira que fica na trilha para a cachoeira Santa Bárbara. Ela também tem a água verdinha, só que é bem menor.

 

cachoeira santa bárbara chapada dos veadeiroscachoeira santa bárbara

 

Poucos passos depois, uau!!! chegamos na Santa Bárbara! Que cachoeira linda!

 

cachoeira santa bárbara cachoeira santa bárbara cachoeira santa bárbara cachoeira santa bárbara cachoeira santa bárbara cachoeira santa bárbara

Dica: o melhor momento para ir na Cachoeira Santa Bárbara é ao meio dia, que é quando o sol reflete na água e ela fica com uma cor incrível.

O tempo para curtir a cachoeira é de 1 hora (seguido a risca durante os feriados), pois como ela é muito procurada pelos turistas, para preservá-la foi preciso limitar o tempo de permanência e o número de visitantes.

 

Depois da nossa 1 horinha na cachoeira, pegamos a trilha até o local onde deveríamos esperar o carro do quilombo.

Preço do transporte quilombo – volta 2018: R$ 10,00 por pessoa. Pagamos na hora para o motorista.

De lá, voltamos andando até o estacionamento onde tínhamos deixado o nosso carro.

 

Nível da trilha – fácil, com poucas partes íngremes.

Tempo de trilha: 1hora a 1hora e meia

 

Mais Informações:

  • Almoço:

R$ 25,00 por pessoa

Eles fornecem almoço lá, se tiver interesse fale com seu guia antes da saída para os passeios, pois ele terá que já deixar reservado.  Se reservar o almoço, tenha em mente que só almoçará quando voltar do passeio, por isso, leve um lanchinho. Eu não reservei, pois tinha levado lanche para o dia todo.

Os restaurantes são:

• Galileus
• Kalunga
• Recanto Feliz
• SG – Sirilo & Getúlia

 

  • Hospedagem:

O Quilombo oferece espaços para hospedagem:

Camping – R$ 25,00 valor médio da diária por pessoa (mais informações aqui)

Casa para Temporada –  R$ 50,00 valor médio da diária por pessoa

 

  • Estacionamentos: gratuitos

 

  • Guia: nossa guia foi a Simone: 62 9932-7656. Super indico!

 

  • Valores 2018:

-R$ 100,00 diária guia (p/ um grupo de até 8 pessoas).

-R$ 20,00 por pessoa – entrada Santa Bárbara

-R$ 10,00 por pessoa – entrada Capivara

-R$ 20,00 por pessoa – ida e volta carro do Quilombo

obs: segundo o site do Quilombo, todos os valores informados acima, servem apenas como referência dos custos básicos, e estão sujeitos à alterações sem aviso prévio, pois, os fornecedores de cada serviço aqui informado, tem independência e autonomia de cobrar o valor que quiserem por seus serviços, sem que sejam obrigados a consultar, pedir autorização ou informar à Associação Quilombo Kalunga  ou a Associação de Guias do Quilombo Kalunga, sempre que houverem ou desejarem fazer reajustes nos valores.

 

 

ORGANIZE SUA VIAGEM

Se este post foi útil pra você, que tal ajudar a manter o blog? Toda vez que você efetua uma reserva ou fecha um serviço por meio dos links e banners indicados no blog, além de garantir um serviço de qualidade e melhores preços, você também ajuda a manter o site sem pagar NADA a mais por isso!

Esses são os parceiros que eu utilizo nas minhas viagens e recomendo! Clique nos links e descubra mais sobre cada um deles:


Reserve seu hotel no Booking, site com as melhores opções de hospedagem por todo o mundo!


Quer dar aquela economizada na hospedagem? Então dá uma olhadinha no Airbnb!


Encontre as melhores seguradoras do mercado em uma única pesquisa no site da Seguros Promo! Use meu cupom LAVAIELA5 e ganhe 5% de desconto na compra de qualquer seguro viagem!


Chegue ao seu destino já com internet no celular! Compre seu chip pelo site da Easysim4u quando ainda estiver aqui no Brasil e viaje com tranquilidade! Use o cupom RBBVGRATIS e ganhe frete grátis - válido somente para a opção frete normal.


Alugue carro na RentCars! Compare de uma só vez o preço entre as melhores locadoras do mercado e pague em reais (sem IOF) em até 12x sem juros ou com desconto de 5% no boleto bancário!


Reserve seus passeios para Buenos Aires, Ushuaia e El Calafate com a Brasileiros em Ushuaia! Todo atendimento (presencial, por telefone e e-mail) é feito em português por funcionários brasileiros que residem na Argentina.


Evite filas, economize tempo e dinheiro comprando seus ingressos pelo site do Get Your Guide!

Deixe um comentário