ROTEIRO 1º DIA – PARQUE NACIONAL DA CHAPADA DOS VEADEIROS

Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros

 

Post atualizado em 18/06/2018.

 

 

PARQUE NACIONAL DA CHAPADA DOS VEADEIROS – TRILHA DOS SALTOS E CORREDEIRAS

 

  • De Brasília para o Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros

Chegamos a Brasília na quarta-feira à noite (20/04/16) e dormimos por lá. Alugamos pelo Airbnb um quarto no apartamento de um senhor bem simpático. Além de sermos bem recebidos, o apartamento ficava próximo do aeroporto e da estrada que pegamos pra Chapada, porém, infelizmente ele não está mais disponível no site, mas há outras opções legais de hospedagem em Brasília no site do Airbnb!

Saímos de Brasília na quinta-feira (21/04/16) por volta das 6h da manhã e seguimos rumo a Chapada dos Veadeiros.

Como o check in do nosso hotel em Alto Paraíso era só após o meio dia, decidimos ir direto de Brasília para o nosso primeiro destino, o Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros que fica em São Jorge.

Tempo de viagem de Brasília para o Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros: 3h30.

Para saber os detalhes sobre a estrada que liga Brasília a Chapada dos Veadeiros, clique aqui.

 

 

PARQUE NACIONAL DA CHAPADA DOS VEADEIROS

Sobre o parque:

Criado em 1961, o parque está localizado no nordeste do Estado de Goiás, entre os municípios de Alto Paraíso de Goiás, Cavalcante e Colinas do Sul

Além de proteger uma área de 240.586,56 ha de cerrado de altitude, que possui formações vegetais únicas, centenas de nascentes e cursos d’água, rochas com mais de um bilhão de anos, o parque também preserva áreas de antigos garimpos, como parte da história local. Em 2001 foi declarado Patrimônio Natural da Humanidade pela UNESCO.

Além da conservação, o Parque tem como objetivos a pesquisa científica, a educação ambiental e a visitação pública.

 

Nossa experiência

Quando fomos chegando perto do Parque Nacional, já tinham algumas placas na estrada indicando o caminho. Bem próximo do parque a estrada é de terra, mas é bem curtinha e tranquila.

Chegamos ao parque por volta das 9:30h, e já demos de cara com um estacionamento amplo (de terra) que estava relativamente vazio.

Queria ter chegado mais cedo, pois a visitação ao parque é limitada por trilha e como era feriado eu estava com medo de já ter esgotado, mas pra nossa sorte, deu pra entrar tranquilo!

Acho que isso aconteceu, pois era o primeiro dia do feriado (21/04) e muitos turistas ainda estavam chegando a cidade. Tanto é que no dia seguinte conheci algumas pessoas que foram ao parque pela manhã (22/04) e não conseguiram entrar e ai tiveram que ir pra outra cachoeira. Por isso, se estiver por lá em algum feriado, tente chegar perto do horário de abertura ou antes.

Logo que você entra na recepção é encaminhado para uma sala pra assistir um vídeo bem curto (acho que tem uns 3 minutos) que fala sobre o parque, as trilhas e os cuidados que devemos tomar. Lembrando que não tem guia no parque, por isso, você pode fazer a trilha: com algum guia que contratou a parte ou sozinho. Meu marido e eu fizemos a trilha por conta própria e foi super tranquilo, já que as trilhas são bem sinalizadas.

Parque Nacional da Chapada dos VeadeirosParque Nacional da Chapada dos VeadeirosParque Nacional da Chapada dos Veadeiros

Acabando o vídeo, eles te encaminham para a recepção onde será preciso preencher uma ficha com seus dados. Após o preenchimento, entrega a ficha pro guardinha e começa a fazer alguma das trilhas que você escolheu.

 

Dicas:

-Antes de começar a trilha, aproveite pra encher suas garrafinhas no bebedouro que tem ali na recepção e ir ao banheiro, pois durante todo o caminho, não terá nenhum outro local como este.

-Leve lanche e muitas garrafinhas de água, pois dentro do parque, NÃO TEM lanchonete nem restaurante.

 

 

TRILHAS

No parque é possível fazer as seguintes trilhas:

 

-Saltos e Corredeiras – grau de dificuldade: pesado

distância ida e volta: 10km

duração estimada: 5 a 6 horas

 

-Só Corredeiras – grau de dificuldade: moderado

distância ida e volta: 6km

duração estimada: 2 a 3 horas

 

-Cânion 2 e Cariocas – grau de dificuldade: moderado superior

distância ida e volta: 11km

duração estimada: 4 a 5 horas

 

-Seriema – grau de dificuldade: muito leve

distância ida e volta: 800m

duração estimada: 1 a 2 horas

 

-Travessia das 7 Quedas – grau de dificuldade: muito pesado

distância ida e volta: 23km

duração estimada: 1 a 3 dias

* esta trilha abre em épocas específicas do ano e pode incluir pernoite em camping rústico, sendo necessário agendamento prévio com o parque.

Normalmente, as pessoas escolhem uma dessas trilhas para fazer num dia, pois como você viu acima, as distâncias são grandes. Porém, dependendo do seu preparo físico e do tempo que ficará em cada cachoeira, é possível fazer mais trilhas num mesmo dia.

Escolhemos fazer a trilha dos Saltos e Corredeiras,

 

Tempo Trajeto (caminhada):

-Levamos 1:30h da recepção até as cachoeiras dos Saltos.

-Levamos 40 minutos da cachoeira dos Saltos 2 para as Corredeiras.

-Levamos 2 horas das Corredeiras até a recepção do parque.

 

 

SALTOS

A trilha dos Saltos possui 2 cachoeiras e depois as Corredeiras, sendo a primeira cachoeira (Saltos 1) só para observação.

Trilha para os Saltos:

Parque Nacional da Chapada dos VeadeirosParque Nacional da Chapada dos VeadeirosParque Nacional da Chapada dos VeadeirosParque Nacional da Chapada dos Veadeiros

 

Cachoeira dos Saltos 1:

Parque Nacional da chapada dos VeadeirosParque Nacional da chapada dos Veadeiros

 

SALTOS 2

Da cachoeira dos Saltos 1 até a dos Saltos 2, a trilha é curtinha, mas um pouco complicada, pois é cheia de pedra, então tem que ir com calma. Nessa cachoeira (Saltos 2) pode nadar.

Não tem muito espaço pra deixar as coisas, meio que fica tudo em cima das pedras.

Parque Nacional da Chapada dos VeadeirosParque Nacional da Chapada dos VeadeirosParque Nacional da Chapada dos VeadeirosParque Nacional da Chapada dos VeadeirosParque Nacional da chapada dos Veadeiros

obs: Em todas as cachoeiras que fomos, deixamos nossas coisas em um lugar onde muitas vezes não tínhamos visão e foi tranquilo. Se possível, não leve muitos objetos de valor.

Essa cachoeira é grande e tem bastante espaço pra nadar.

Tempo: Ficamos por ali uns 40 minutos.

 

 

CORREDEIRAS

Da cachoeira dos Saltos 2 seguimos para as Corredeiras. Ela estava vazia. Ficamos uns 30 minutos sem quase ninguém por ali.

Trilha para as Corredeiras:

Parque Nacional da Chapada dos VeadeirosParque Nacional da Chapada dos VeadeirosParque Nacional da Chapada dos VeadeirosParque Nacional da Chapada dos Veadeiros

Eu amei as corredeiras. É ótima pra nadar e bem bonita. A água é tão limpinha que dá pra ver os peixinhos e as pedras que ficam no fundo.

Tempo: Ficamos por lá em torno de 1 hora e meia.

Depois das Corredeiras pegamos a trilha novamente rumo à saída do parque, pensamos até em fazer a trilha dos Cânions, mas como não tínhamos água e já estávamos cansados, preferimos não ir, mas se você tiver CORAGEM, DISPOSIÇÃO e ÁGUA dá até pra fazer esta outra trilha no mesmo dia.

 

Se ao sair do parque estiver cedo e ainda quiser conhecer outra cachoeira que fique próxima ou no caminho e que tenha uma trilha curtinha, sugiro o Vale da Lua.

 

Mais informações sobre o Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros:

Entrada: gratuita.

Estacionamento: gratuito.

Horários e Dias de funcionamento:

-O Parque é aberto à visitação de 3ªf a domingo.

Fechado: as segundas-feiras

-Em casos de feriados nas segundas-feiras, o Parque permanece aberto neste dia, fechando no primeiro dia útil subsequente.

-Em janeiro e julho, meses de férias escolares, o Parque fica aberto todos os dias.

-Entrada: 8h às 12h

-Saída: até 18h

 

Capacidade de Visitação:

– Trilha dos Saltos: 250 visitantes/dia

– Trilha dos Cânions: 200 visitantes/dia

– Trilha da Seriema: 30 visitantes/dia.

– Travessia das Sete Quedas: 30 pessoas acampadas/noite

 

Outras Informações:

-Tem banheiro e bebedouro somente na recepção do parque;

-Não tem lanchonete e nem restaurante.

 

Site Oficial: http://www.icmbio.gov.br/parnachapadadosveadeiros/guia-do-visitante.html

 

ORGANIZE SUA VIAGEM

Se este post foi útil pra você, que tal ajudar a manter o blog? Toda vez que você efetua uma reserva ou fecha um serviço por meio dos links e banners indicados no blog, além de garantir um serviço de qualidade e melhores preços, você também ajuda a manter o site sem pagar NADA a mais por isso!

Esses são os parceiros que eu utilizo nas minhas viagens e recomendo! Clique nos links e descubra mais sobre cada um deles:


Reserve seu hotel no Booking, site com as melhores opções de hospedagem por todo o mundo!


Quer dar aquela economizada na hospedagem? Então dá uma olhadinha no Airbnb!


Encontre as melhores seguradoras do mercado em uma única pesquisa no site da Seguros Promo! Use meu cupom LAVAIELA5 e ganhe 5% de desconto na compra de qualquer seguro viagem!


Chegue ao seu destino já com internet no celular! Compre seu chip pelo site da Easysim4u quando ainda estiver aqui no Brasil e viaje com tranquilidade! Use o cupom RBBVGRATIS e ganhe frete grátis - válido somente para a opção frete normal.


Alugue carro na RentCars! Compare de uma só vez o preço entre as melhores locadoras do mercado e pague em reais (sem IOF) em até 12x sem juros ou com desconto de 5% no boleto bancário!


Reserve seus passeios para Buenos Aires, Ushuaia e El Calafate com a Brasileiros em Ushuaia! Todo atendimento (presencial, por telefone e e-mail) é feito em português por funcionários brasileiros que residem na Argentina.


Evite filas, economize tempo e dinheiro comprando seus ingressos pelo site do Get Your Guide!

Deixe um comentário