PASSEIO TOUR SAFÁRI AMAZÔNICO EM MANAUS

Manaus

 

Post Atualizado em 19/06/18.

 

Ao pesquisar o que fazer na cidade, você vai perceber que este é um passeio muito comum por lá, pois ele engloba atividades e lugares que todo turista quer fazer e conhecer quando vai pra Amazônia.

Fizemos o passeio Tour Safári Amazônico com a agência Amazon Explorers.

Muitas agências oferecem esse passeio, porém algumas atividades podem variar de agência para agência, por isso, recomendo que você leia bem a descrição do que está incluso pra ter certeza que a atividade que você quer fazer é realizada pela agência. Por exemplo, eu fazia questão de nadar com os botos, então antes de fechar o passeio eu confirmei que a gente ia nadar mesmo com eles e não só ficar olhando!rs

 

ITINERÁRIO SAFÁRI AMAZÔNICO

Esse é o itinerário do passeio que eu fiz:

  1. Nado com os botos no Rio Negro
  2. Visita à comunidade indígena + Ritual Indígena
  3. Parada para almoço no restaurante do lago do Janauary (restaurante flutuante)
  4. Visita à feira de artesanato da comunidade local
  5. Visita ao Lago da Vitória-Régia
  6. Visita ao Encontro das Águas

 

DURAÇÃO DO PASSEIO

Das 9h às 16h

 

PAGAMENTO + PONTO DE ENCONTRO + INÍCIO DO PASSEIO:

Como a agência ficava bem pertinho do nosso hotel, por volta das 8:20h fomos caminhando até lá.

Ao chegar confirmamos nossa reserva, que eu já havia feito anteriormente por e-mail, e fizemos o pagamento do passeio. Eles aceitam cartão de crédito Visa / Master / Amex / Cash.

9 horas em ponto a van saiu da agência e nos deixou no porto de Manaus.

 

PORTO DE MANAUS + BARCO

É do porto de Manaus que sai o barco (voadeira) utilizado no passeio.

PORTO DE MANAUSPORTO DE MANAUSPORTO DE MANAUS

 

Chegando lá um guia da agência nos recepcionou e foi explicando algumas curiosidades sobre o porto.

 

PORTO DE MANAUS

 

Ao chegar na parte dos barcos, havia um outro atendente da agência com uma lista. Ao falar o nome, ele indicava em qual barco deveríamos entrar.

 

PORTO DE MANAUS

 

O nosso barco não tinha vidros na janela, o que eu achei muito legal, porque a gente podia ficar em contato com a água do Rio Negro e ver melhor as paisagens. De vez em quando dava uma molhadinha, mas nada demais!rs

 

Rio negro manausRio Negro ManausRio negro manausRio Negro Manaus

 

Ficamos dentro do barco uns 20 minutos esperando o restante das pessoas.

Ao chegar todo mundo, entrou o guia que faria o passeio com a gente e começou a explicar como ia funcionar e qual era a sequência de lugares pelos quais íamos passar.

 

barco

 

Durante a navegação o guia ia falando algumas curiosidades sobre os lugares que passávamos e sobre a Amazônia.

 

Rio Negro ManausRio Negro Manaus

 

 

1ª PARADA: NADO COM OS BOTOS NO RIO NEGRO

Um pouco antes de chegarmos ao local em que faríamos o nado, o guia foi passando todas as instruções necessárias.

Ao chegar, descemos do barco e ele pediu que nos dividíssemos em 2 grupos.

Feita a divisão, era só ir pegar o colete salva vidas e esperar o guia autorizar a entrada do grupo.

Rio Negro ManausRio Negro Manaus

 

Ao entrarmos no rio, havia uma moça lá dentro que ficava com os peixes para atrair os botos.

 

Boto cor de rosa

 

Olha, posso dizer que essa foi uma das experiências mais incríveis e mágicas que eu já vivi, é muito doido! Além de poder nadar no Rio Negro, a interação com o boto é emocionante! A gente sente eles passando pelas nossas pernas, e dá pra vê-los de pertinho quando sobem a superfície. Dá pra ver também os dentinhos e passar a mão neles, a pele é bem lisinha. É muito surreal!

 

Boto cor de rosaBoto cor de rosaBoto cor de rosaBoto cor de rosa

Ficamos dentro da água por uns 8 a 10 minutos. Depois entrou a outra turma e enquanto isso quem quisesse podia se trocar no banheiro que havia lá.

Recomendações:

-Já vá com o biquíni, maiô ou sunga por baixo da roupa, porque não tem muito tempo pra se trocar, além disso, podem chegar outras agências e só tem um banheiro feminino e um masculino.

-Crianças podem entrar na água acompanhada por um responsável e a indicação é que dependendo da idade, elas fiquem no colo.

-Leve toalha.

-Protetor solar e repelente, devem ser passados antes do barco sair do porto, pois até chegar no local do nado com os botos, os produtos já terão aderido a pele. Menos que esse tempo (1h), não é permitido passar esses produtos, pois eles podem sair na água e fazer mal aos botos.

 

 

2ª PARADA – VISITA À COMUNIDADE INDÍGENA + RITUAL INDÍGENA

Fomos recepcionados pelo cacique da tribo, que nos falou um pouco sobre como eles vivem e seus costumes.

aldeia indígenaaldeia indígena

 

Depois tiveram algumas apresentações de danças com instrumentos típicos. No final eles puxaram todo mundo pra dançar junto.

 

aldeia indígenaaldeia indígena

Assim que acabou, a gente pôde conversar com eles, tirar foto e conhecer um pouco do trabalho artesanal que eles produzem.

Recomendações:

-Leve dinheiro para comprar algum artesanato.

 

 

3ª PARADA – ALMOÇO NO RESTAURANTE FLUTUANTE JANUARY + VISITA À FEIRA DE ARTESANATO DA COMUNIDADE LOCAL + VISITA AO LAGO DA VITÓRIA-RÉGIA

No caminho para o restaurante passamos por um Igarapé, que é quando o nível do rio sobe próximo a copa das árvores, formando caminhos estreitos e não tão profundos, por isso, só barcos menores passam por ali.

ManausManausManaus

 

O restaurante em que almoçamos era bem decorado, espaçoso, tinha uma vista linda pro rio e oferecia uma comida DELICIOSA! O buffet era beeeem farto e variado, com muita comida típica.

O esquema de serviço era self-service e cada um podia comer quantas vezes quisesse.

 

ManausManausManausManaus Manaus

Manaus
Meu terceiro prato!rs Banana pacovã frita, farinha de uarini, vatapá e peixe empanado

 

O almoço estava incluso no valor do passeio, já as bebidas não. Pedimos um suco de taperebá (8,00 reais) e um Guaraná Baré (5,00 reais a latinha), típico do Amazonas.

 

ManausManaus

 

Depois de almoçar, fomos conhecer a parte de trás do restaurante, onde ficava uma feirinha artesanal e o lago da Vitória-Régia.

Para chegar até o lago a gente andava sobre uma pontezinha que passava pelo meio da floresta. No caminho, tinham vários macaquinhos que se aproximavam da gente pra pegar comida!rs Cuidado com bolsas e alimentos, porque eles podem tentar pegar!rs

Chegando ao lago, o guia contou algumas curiosidades sobre as Vitórias-Régias.

 

ManausManausManausManausManausManaus

Do restaurante pegamos o barco novamente e fomos para a última parada: O encontro das Águas.

 

 

4ª PARADA – ENCONTRO DAS ÁGUAS

Depois de nadar com os botos, o encontro das águas era o que eu mais queria conhecer!

Quando chegamos ao local onde o Rio Negro encontra com o Solimões o barco parou e o guia começou a explicar sobre esse fenômeno. Enquanto ele falava, a gente foi para o fundo do barco pra ver de pertinho os dois rios se encontrando…essa parte foi demais!!!

Manaus ManausManausManaus

Ficamos uns 30 a 40 minutos por ali e depois o barco retornou até o Porto de Manaus. Chegamos lá por volta das 17h.

Do Porto, voltamos andando até o nosso hotel pra conhecer um pouquinho do centro.

Aproveitamos pra dar uma descansada e a noite saímos pra jantar no restaurante O Banzeiro.

Falo sobre o restaurante, neste post: Onde e O que comer em Manaus – dicas de restaurantes e comidas típicas.

 

Recomendações Gerais:

leve:

-dinheiro

-óculos de sol

-protetor solar

-repelente

-garrafinha de água

-toalha

-máquina fotográfica

-use roupa confortáveis e apropriadas para o passeio;

-nada de salto alto. Vá de sandália, chinelo ou tênis.

-vá com biquíni, maiô, sunga por baixo da roupa.

 

Informações Importantes:

Endereço agência: Av. 7 de Setembro, 827 – Centro (fica dentro do hotel Líder Hotel)

Dias e Horários do passeio:

Terça, quinta, sexta, sábado e domingo.

De 2ªF e 4ªF não é realizado.

Valor do passeio (2018):

R$ 150,00* sem transfer incluso – você deve ir até o ponto de encontro e voltar por conta própria ao final do passeio.

R$ 180,00* transfer incluso – a agência te busca no seu hotel e te leva de volta ao final do passeio.

*Incluso nesse valor: almoço, guia bilíngue, taxa de embarque e de visitação.

Site da agência: http://amazonexplorers.tur.br

 

ORGANIZE SUA VIAGEM

Se este post foi útil pra você, que tal ajudar a manter o blog? Toda vez que você efetua uma reserva ou fecha um serviço por meio dos links e banners indicados no blog, além de garantir um serviço de qualidade e melhores preços, você também ajuda a manter o site sem pagar NADA a mais por isso!

Esses são os parceiros que eu utilizo nas minhas viagens e recomendo! Clique nos links e descubra mais sobre cada um deles:


Reserve seu hotel no Booking, site com as melhores opções de hospedagem por todo o mundo!


Quer dar aquela economizada na hospedagem? Então dá uma olhadinha no Airbnb!


Encontre as melhores seguradoras do mercado em uma única pesquisa no site da Seguros Promo! Use meu cupom LAVAIELA5 e ganhe 5% de desconto na compra de qualquer seguro viagem!


Chegue ao seu destino já com internet no celular! Compre seu chip pelo site da Easysim4u quando ainda estiver aqui no Brasil e viaje com tranquilidade! Use o cupom RBBVGRATIS e ganhe frete grátis - válido somente para a opção frete normal.


Alugue carro na RentCars! Compare de uma só vez o preço entre as melhores locadoras do mercado e pague em reais (sem IOF) em até 12x sem juros ou com desconto de 5% no boleto bancário!


Reserve seus passeios para Buenos Aires, Ushuaia e El Calafate com a Brasileiros em Ushuaia! Todo atendimento (presencial, por telefone e e-mail) é feito em português por funcionários brasileiros que residem na Argentina.


Evite filas, economize tempo e dinheiro comprando seus ingressos pelo site do Get Your Guide!

Deixe um comentário

  1. Que saudade que me deu dessa cidade. Morei dos 5 aos 10 anos (hoje tenho 34) e tenho memórias muito boas desse lugar. muitas das coisas que você postou, principalmente as comidas me lembraram a infância! tenho muita vontade de retornar para turistar mesmo, pois muito do que você falou e dos lugares apresentados obviamente não me recordo, ou não sequer existiam. Adorei a forma que você coloca sobre a cidade. E recomendo também que todos que tenham a oportunidade possam visitar a Floresta Amazônica e fazer um passeio de barco até o encontro entre o Rio Solimões e Rio Negro. É magnífico!!